Serviços realizados pelo Poupatempo

O Poupatempo faz parte dos serviços do Governo do Estado de São Paulo, tendo sido pensado para que a população pudesse resolver variados problemas em um só lugar.

Ele está em várias cidades do interior e da região metropolitana, sendo muito espaçoso e contendo guichês de muitas prestadoras de serviço, inclusive da Sabesp.

Apesar das dezenas de possíveis atendimentos, a razão pela qual o Poupatempo mais é procurado é a emissão de documentos.

Pessoas que ainda não têm determinados documentos ou que os perderam, por exemplo, agendam seus horários e recebem as novas vias em poucos dias.

Relação de atividades prestadas pelo Poupatempo

poupatempo agendamento

Os serviços são separados por áreas, com a ressalva de que eles nem sempre são oferecidos em todos os postos.

Por isso, é necessário que o cidadão fique atento à unidade do Poupatempo na sua cidade e nas cidades próximas.

No campo de Direitos do Cidadão, há:

  • Reconhecimento de paternidade;
  • PROCON;
  • Nota Fiscal Paulista;
  • SCPC;
  • Recursos para Prefeituras;
  • Orientação Jurídica gratuita;
  • Juizado Especial Cível

Na área de veículos, os serviços são:

  • Vistoria em trânsito;
  • Veículo de tração animal;
  • Transferência de propriedade;
  • Remarcação de chassi;
  • Registro;
  • Liberação de veículo apreendido;
  • Instrução de processo para veículo dublê;
  • DPVAT;
  • Autorização para modificação de características;
  • Transporte coletivo especial;
  • Regularização do número do motor;
  • Licenciamento;
  • Extrato de cadastro e outros.

O Poupatempo também tem serviços referentes à habilitação, tais como:

  • Permissão para dirigir (inclusive a permissão internacional);
  • CNH definitiva;
  • Pesquisa de pontuação;
  • Multas;
  • Certidão de CNH.

Para quem quer ajuda para recolhimento de impostos, há serviços para:

  • Taxas municipais;
  • Laudêmio;
  • ISS e ISSQN;
  • IPTU;
  • Imposto de renda;
  • Demais receitas (DR);
  • Tributos de serviços do Poupatempo;
  • ITBI;
  • IPVA;
  • Inscrição municipal;
  • ICMS;
  • CADIN Estadual.

Na classificação “Serviços”, encontra-se:

  • Luz e energia elétrica;
  • Iluminação pública;
  • Água e/ou esgoto.

Na área de documentos pessoais, o Poupatempo tem:

  • Título de eleitor;
  • CNH;
  • Carteira de trabalho;
  • Alistamento militar;
  • RG;
  • Cartão de transporte;
  • Atestado de Antecedentes Criminais de São Paulo (AAC).

As unidades têm serviços referentes a empregos também, como:

  • Voluntários;
  • Erradicação do Trabalho Infantil;
  • Mototaxistas e taxistas;
  • Permissionários;
  • Funcionários públicos municipais e estaduais;
  • Arquitetos, engenheiros e técnicos em Edificações;
  • Cursos de formação e qualificação;
  • Cadastro de caçambeiros;
  • Carteira de Ascensorista;
  • Autônomos;
  • Tradutores;
  • Time do Emprego;
  • Seguro Desemprego;
  • Leiloeiros;
  • Estagiários;
  • Banco do Povo Paulista;
  • Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo;
  • Carteira de trabalho;
  • Cadastramento de currículo;
  • Ambulantes e feirantes.

Na categoria “Outros”, o cidadão encontra:

  • Serviços on-line;
  • Lei de Acesso à Informação;
  • Empresas, órgãos e entidades;
  • Cancelamento de despesas funerárias;
  • Conservação de praças e outros lugares públicos;
  • Assistência Social;
  • Saúde e Vigilância Sanitária;
  • Acessa São Paulo;
  • Cultura e Lazer;
  • Cemitério e outros.

Como usar os serviços do Poupatempo

Para muitos desses serviços, o poupatempo agendamento é obrigatório. Deve-se:

  • Acessar www.poupatempo.sp.gov.br;
  • Clicar em “Agendamento”;
  • Criar um login ou acessar com o login já feito.

O cidadão pode também clicar em “Serviços eletrônicos” e seguir as instruções para solicitar documentos, registrar boletim de ocorrência e muito mais, havendo cinco páginas disponíveis de serviços.

Como fazer segunda via do RG no Poupatempo

O Registro Geral (RG) é um documento obrigatório para todos os brasileiros, sendo indicado fazê-lo para as crianças logo que elas nascem. É por intermédio dele que todos os demais documentos da vida são retirados, como o CPF, sendo com ele também que se fazem inscrições para variadas coisas.

Uma vez que é uma documentação a ser usada por toda a vida, é lógico que as pessoas não permanecerão com a mesma via para sempre: elas podem perder ou ele pode ser danificado, além de roubado. Por isso, o Poupatempo tem um sistema para que todos os cidadãos façam a sua segunda via.

O que é necessário quando se pede a segunda via?

 

Os documentos necessários para fazer a 2 via rg poupatempo variam no caso de a pessoa ser maior de 18 anos ou não e com relação ao motivo pelo qual ela está pedindo uma nova via. No caso de a pessoa ser naturalizada ou de ser nata, também serão pedidos documentos diferentes.

No geral, o Poupatempo requisita o CPF e também a certidão de casamento ou de nascimento, além do RG (no caso de a troca ser por más condições ou coisas semelhantes). Será pedido o cartão do cidadão, para quem tiver, e ainda a tipagem sanguínea. Vale destacar que esse não é um documento obrigatório, ou seja, as pessoas podem fazer sua segunda via sem a tipagem, mas ela serve para facilitar casos de socorros.

Cabe fazer uma observação sobre os RG que são roubados ou perdidos: será obrigatório que o cidadão faça um boletim de ocorrência e que ele seja apresentado ao Poupatempo quando se solicitar a segunda via.

Como as pessoas precisam estar para fazer a segunda via?

 

2 via rg poupatempo

 

Existem algumas recomendações referentes à vestimenta para quando se pede a segunda via do RG, sendo elas não deixar que insígnias militares sejam visualizadas e também não estar com óculos escuros, além de não estar com vestimentas roupas claras em excesso. Não é aceito que se tenha qualquer adorno no rosto, com a exceção dos casos em que ele é usado por razão religiosa ou por pedido médico. Outra proibição é referente aos adornos na cabeça.

 

Isenção e custos

Os cidadãos que estão isentos de pagar pela segunda via são os que foram vítimas de situações de calamidade natural, como as catástrofes. As pessoas que estão sem trabalhar há 90 dias mínimos também são isentas, assim como os homens que têm mais de 65 anos.

As pessoas que pediram seu RG e que descobriram erro de digitação podem requerer a segunda via de graça no prazo de 3 meses. A isenção abrange as mulheres que têm mais de 60 anos e, para todos os demais, o custo da segunda via é de R$ 38,55.

 

Como agendar

 

Acessa-se https://www.poupatempo.sp.gov.br/ e seleciona-se “segunda via” e, em seguida, o perfil do cidadão. Serão pedidos dados pessoais e deve-se escolher qual o posto do Poupatempo. Depois, surgirá uma agenda com as datas.